BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates


Início » Livros » 21 pensamentos que Kass Morgan teve ao escrever “Dia 21”

21 pensamentos que Kass Morgan teve ao escrever “Dia 21”

Você já se perguntou como é o processo criativo de um autor? Kass Morgan, autora da saga “The 100“, compartilhou vinte e um pensamentos que ela teve ao escrever sua sequencia “Dia 21“. O segunda livro da saga chega em fevereiro no Brasil com uma capa diferente da americana. (leia a notícia)

1. Yay! Hora da continuação. Eu vou ser bem mais disciplinada dessa vez.

2. A música certa é, obviamente, um passo. Tenho que definir o humor.

3. Mudando para Taylor Swift.

4. Esse primeiro capítulo está ficando bom. Mas por que essa linha soa tão familiar?

5. Hum… provavelmente não pode ter Clarke dizendo para Wells que “Nós nunca vamos voltar a ficar juntos”.

6. Tirando de Taylor Swift.

7. Hora de comprar café! O que devo vestir para parecer literária?

8. Por que a loja de café está tão cheia? Talvez se eu ficar aqui em pé, parecendo literária e sedutora, aquele cara lendo Faulkner me ofereça um lugar na mesa dele.

9. Ooh… mesa vazia… vai vai vai vai. Agora a escrita séria começa.

10. Ugg. Bellamy NUNCA diria isso. Apagaaaaaaar.

11. O garoto Faulkner está olhando pra mim? Eu deveria digitar mais rápido, assim ele vai saber que sou uma escritora séria.

12. Oooh… ele está pegando um caderno. Eu me pergunto o que ELE está escrevendo.

13. Talvez se ele descobrir que estou trabalhando em um livro, ele virá até aqui com uma desculpa para dizer oi. Só vou inclinar um pouco a tela…

14. Não útil. Ok, e se eu tomar um gole do cappuccino e olhar sonhadoramente para a janela?

15. Hum… Octavia deveria domar um coelho radioativo e mantê-lo como um bicho de estimação?

16. Como eu deveria nomear o coelho? Quais os escritores de ficção científica que eu não tenha referenciado ainda?

17. Oh! Vou chamar o coelho de Philip, de Philip K. Dick. Ou Bradbury. Bradbury, o coelho. Brilhante.

18. Essa coisa de coelho não está dando certo. Completa perda de tempo. Desculpe, Bradbury. Apagar.

19. Quando eu escrevi? 2000 palavras para ganhar uma pausa pra muffin! Oh… 289 palavras.

20. Eeeeeeee a namorada do garoto Faulkner acabou de entrar. Ok! Voltando a escrever! Me pergunto se no livro está cedo demais para Bellamy tirar a camiseta dele?

21. NUNCA está cedo demais…

Fonte: Alloy Entertainment

Tradução: Amanda Oliveira / Equipe The 100 Brasil

Sobre Guilherme Guckert

Guilherme Guckert
Apaixonado por livros, filmes e séries - busca nesses meios um refúgio da realidade, viver novas emoções e conhecer novos mundos. – Conhecido por ser a pessoa mais chata por The 100 no mundo, fala Trigedasleng quando está sozinho em casa.