“Ninguém está a salvo” diz Jason Rothenberg sobre season finale

2

ngmestaasalvo

O penúltimo episódio da segunda temporada de The 100 deixou claro que teremos uma season finale repleta de ação. Alycia-Debnam Carey disse ao site Zap2it que Lexa pode ter sentimentos por Clarke, mas tudo que importa agora é a batalha.

“Este final é definitivamente uma batalha difícil”, diz Debnam-Carey. “[Clexa] fica no banco de trás por enquanto. Lexa está terminando essa coisa com Mt. Weather, e eles finalmente têm um exército grande o suficiente para fazer isso, então isso é definitivamente o foco.”

Lexa provou o quanto ela tem foco, como ela fez um acordo com Mt. Weather para libertar apenas seu povo e deixar o povo de Clarke (Eliza Taylor) na montanha para morrerem. Mas é uma escolha difícil que Lexa teve que fazer por seu povo.

“Isso foi se formando entre os dois grupos de pessoas por muito tempo, causou tanta dor e sofrimento,” diz Debnam-Carey. “Ela nunca teve tão pronta para isso. Há raiva, mas também há certa justiça que está por trás disso também, e eles finalmente conseguiram a força que eles precisavam. Mas também é uma batalha, então é uma perspectiva assustadora em si.”

Perspectiva assustadora, de fato. O episódio de Quarta-feira (4 de Março) mostrou muitas mortes e as coisas não estão boas para os Sky People (vindos do céu).

“Tem muitas [mortes] na finale. Esse é sempre o caso. Ninguém está a salvo, é o que eu sempre digo.” diz o produtor executivo e criador Jason Rothenberg.

A segunda temporada de The 100 chega ao fim nessa quarta-feira (11 de março) às 23h00 na CW (EUA).